Sobre a Revista

Universidade Federal do Amazonas

(https://www.ufam.edu.br/)

Faculdade de Letras – FLET

(https://flet.ufam.edu.br/)


Programa de Pós-Graduação em Letras - PPGL

(https://www.ppgl.ufam.edu.br/)

Grupo de Estudos e Pesquisas em Literaturas de Língua Portuguesa - GEPELIP

(https://gepelipufam.wordpress.com/)

Revista Decifrar (https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/Decifrar)

Histórico do periódico:
A Revista Decifrar (ISSN 2318-2229) (DOI 10.29281), QUALIS B1, está em pleno funcionamento desde o primeiro semestre de 2013. Passa a ser coordenada também pelos docentes do Programa de Pós-graduação em Letras da Faculdade de letras da UFAM, a partir de 2015. Depois da avaliação da Capes no quadriênio 2017-2020, recebe o conceito B1.

Tem o propósito de publicar artigos científicos de professores e discentes de Pós-Graduação de Instituições de Ensino Superior do Brasil e do exterior, interessados em apresentar resultados de suas pesquisas concluídas ou em andamento, haja vista que a disponibilização desses trabalhos online para o público especializado amplia a possibilidade de discussão em torno da Teoria e Crítica Literária, bem como das Literaturas em Língua Portuguesa.

A Revista Decifrar divulga textos inéditos e originais, em língua portuguesa, na área de Letras, Artes e Humanidades em geral, nas subáreas literatura brasileira, portuguesa e outras literaturas vernáculas. Constitui-se de um periódico semestral, destinado à publicação de artigos, dossiês, entrevistas, cartas, textos inéditos de artistas, bem como de resenhas de obras teóricas, críticas ou artísticas, de teses, de dissertações e de monografias. É organizada pelos professores pesquisadores do Programa de Pós-Graduação em Letras – Estudos Literários da Faculdade de Letras da Universidade Federal do Amazonas.

A partir do segundo semestre de 2024 passa a adotar a modalidade de publicação em fluxo contínuo, em que o manuscrito é submetido, avaliado e imediatamente publicado, dando agilidade no processo e no acesso aberto imediato à pesquisa.

Foco e Escopo: Estimular a produção de conhecimento na área de Letras e suas subáreas, crítica literária, teoria da literatura, literatura comparada, publicando estudos que exploram as intercessões entre as literaturas de língua oficial portuguesa: África, Brasil e Portugal e dessas literaturas com outras literaturas (inglesa, francesa e espanhola), além da relação entre a literatura e as artes, e das literaruras com as áreas da educação e das humanidades.

 Periodicidade: Semestral - na modalidade fluxo contínuo, com fechamento de seus números sempre em junho e dezembro de cada ano.

 Interesse: Estudos literários e interdiciplinares em que ocorrem as intercessões entre as literaturas de língua oficial portuguesa: África, Brasil e Portugal e dessas literaturas com outras literraturas estrangeiras, além da relação entre a literatura e as artes, e das literaturas com as áreas da educação e das humanidades.

Público Alvo: Comunidade científica interessada em estudos das literaturas de língua oficial portuguesa.

Política de Acesso Aberto: Esta revista oferece (Open Acess) acesso aberto imediato ao seu conteúdo, pois entende que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento. Seguindo com isso, o que propõe as diretrizes da ciência aberta.

Política de Custo: Não há qualquer custo para submeter manuscritos, acessar ao conteúdo, porque esta revista é financiada exclusivamete por recursos públicos. A Revista Decifrar segue a política de acesso aberto.

Política de Direitos Autorais: A revista entende que os reponsáveis pelos conteúdos dos textos publicados em cada volume e números são seus autores, cabendo a referência à primeira publicação, citando inclusive o link do arquivo. Sendo assim, são os autores que gerenciam também os copyrignts de seus trabalhos.

Política de Privacidade: Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.

Licença: Todos os artigos desta revista obedecem a licença Creative Commons - Attribution 4.0 International (CC BY) https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/.

Processo de Avaliação por Pares: Os textos encaminhados para a Revista Decifrar terão a avaliação duplo-cego (double blind peer review). Em caso de discordância entre os dois pareceristas, o texto poderá ser encaminhado a um terceiro avaliador. A Revista Decifrar tem como princípio garantir que não haja identificação entre avaliadores e autores até a publicação do volume e número.

Os artigos devem ser originais e inéditos. Não serão aceito artigos que tenham sido encaminhados para avaliação em outros periódicos, desde que informado no ato de submissão. O processo avaliativo conta com a participação de avaliadores que não fazem parte do quadro de docentes da UFAM. 

Nesse processo são consideradas os seguintes pareceres finais aos textos submetidos: Aceito para publicação, Aceito com restrições ou texto Recusado. Os textos alterados pelos autores serão encaminhados aos mesmos pareceristas que avaliaram a primeira versão. 

Política de Arquivamento:
A Revista Decifrar utiliza os sistemas LOCKSS e CLOCKSS para criar um arquivo digital distribuído entre as bibliotecas participantes, permitindo que elas criem arquivos permanentes da revista com vistas a sua preservação e restauração.

Declaração de Mal Prática de Ética e Publicação: Nossa declaração é baseada no Código de Conduta e nas Diretrizes de Melhores Práticas para Editores de Revista (Committee on Publication Ethics, 2011). 

A Revista Decifrar utiliza o programa Plagius - Detector de Plágio na versão Pro em que os textos são submetidos não somente à verificação de plágio, mas também na detecção de utilização de Inteligência Artificial (ChatGPT).