Ser velha e velho no interior do Amazonas: envelhecimento e funcionalidade no Médio Solimões

Being old and old in the interior of the Amazon: aging and functionality in the Middle Solimões

Autores

  • Hércules Lázaro Morais Campos Universidade Federal do Amazonas, Instituto de Saúde e Biotecnologia (ISB/UFAM) – Amazonas/Brasil
  • Adriano Carvalho Oliveira Universidade Federal do Amazonas, Instituto de Saúde e Biotecnologia (ISB/UFAM) – Amazonas/Brasil
  • Johrdy Amilton da Costa Braga Universidade Federal do Amazonas, Instituto de Saúde e Biotecnologia (ISB/UFAM) – Amazonas/Brasil
  • Elizabete Regina Araújo de Oliveira Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) – Espírito Santo/Brasil

Palavras-chave:

Idoso, Envelhecimento, Amazonas

Resumo

Introdução: A taxa de crescimento da população idosa é uma realidade em todo o mundo. No Brasil, eles correspondem a mais de 29 milhões de indivíduos. No Amazonas, essa população representa 8,8% do percentual total. Em Coari, a população idosa representa 5,3% da população total sendo que desses, 84,6% vivem na zona urbana (comunidade) e 15,4% na zona rural. O processo de envelhecimento é influenciado pelas vivências únicas de cada indivíduo, que determinam uma melhor ou pior qualidade de vida durante a velhice. Pesquisas envolvendo populações de cidades e comunidades que vivem no interior do Amazonas e às margens dos rios Solimões e rio Negro são escassas. Objetivo: Descrever e traçar um perfil das condições de saúde, cognitivas e físico-funcionais dos idosos da cidade de Coari (região do Médio Solimões), Amazonas, Brasil. Materiais e Métodos: Buscou-se artigos nas seguintes fontes: PubMed, BVS, SciELO e PEDro, publicados entre Janeiro de 2010 a Dezembro de 2020. Resultado e Discussão: Os idosos de Coari apresentam limitações associadas a cognição, funcionalidade e a saúde de forma geral, mas a maioria deles são funcionais, ativos, participativos, motivados e felizes. Conclusão: Mesmo apresentando déficits cognitivos, físico/funcionais, doenças e ou comorbidades instaladas, os idosos de Coari são ativos, autônomos e independentes, mostrando que o estilo de vida do interior parece ter efeitos positivos sobre os desfechos voltados para saúde na velhice.

Referências

ALVES, E. G.; FERNANDES, T. G. Capacidade funcional de idosos do município de Coari, Amazonas. 2016. 61 f. Dissertação (Mestrado em Saúde, Sociedade e Endemias na Amazônia), Universidade Federal do Amazonas, 2016.

COSTA, A. V.; LISBOA, L. M.; REIS, D. A.; OLIVEIRA, H. K. F. Iatrogenia medicamentosa em idosos hospitalizados no interior do Amazonas. Revista Kairós-Gerontologia, v. 22, n. 3, p. 99-111, 2019.

COSTA, R. S.; LEÃO, L. F.; CAMPOS, H. L. M. Envelhecer na zona rural do interior do estado do Amazonas, desempenho cognitivo, funcionalidade e percepção de saúde: um estudo transversal. Revista Kairós-Gerontologia, v. 23, n. 1, p. 83-103, 2020.

DUARTE, T. C. F.; LOPES, H. S.; CAMPOS, H. L. M. Physical activity, life purpose of community active elderly people: a cross-section study. Journal of Physiother, v. 10, n. 4, 2020.

CASARIN, S. T.; PORTO, A. R.; GABATZ, R. I. B. BONOW, C. A.; RIBEIRO J. P.; MOTA, M. S. Tipos de revisão de literatura: considerações das editoras do Journal of Nursing and Health. J. nurs. Health, v. 10, 2020.

FERNANDES, T. G.; SILVA, K. R.; GUERRA, R. O.; PARENTE, R. C. P.; BOSGES, G. F.; JUNIOR, R. C. F. Influence of the amazonian context on the frailty of older adults: a population-based study. Archives of Gerontology and Geriatrics, 2020.

GAMA, A.S. M.; FERNANDES, T. G.; PARENTE, R. C. P.; SECOLI, S. R. Inquérito de saúde em comunidades ribeirinhas do Amazonas, Brasil. Cadernos de Saúde Pública, v. 34, 2018.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (Brasil). Censo Demográfico. 2010. Disponível em: https://www.ibge.gov.br/estatisticas/sociais/saude/9662-censo-demografico-2010.html?=&t=o-que-e. Acessado em: 15 nov. 2020.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (Brasil). Longevidade: viver bem e cada vez mais. Retratos: a Revista do IBGE, 2019. Disponível em: https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/periodicos/2929/rri_2019_n16_fev.pdf. Acesso em: 17 ago. 2020.

JÚNIOR, R. C. F.; FERNANDES, T. G.; BORGES, G. F.; GUERRA, R. O.; ABREU, D. C. C. Factors associated with low levels of physical activity among elderly residents in a small urban area in the interior of the Brazilian Amazon. Archives of Gerontology and Geriatrics, v. 75, p. 37-43, 2018.

NASCIMENTO, R. J.; SANTOS, M. L.; RAMIRES, J. B.; BARBOSA, R. V. B.; OLIVEIRA, A. J. J. V.; BORGES, G. F. Aptidão cardiorrespiratória em idosas participantes de um centro de convivência na Cidade de Coari, Estado do Amazonas, Brasil. Revista Pan-Amazônica de Saúde, v. 2, n. 2, p. 19-26, 2011.

NETO, E. M. F.; CORRENTE, J. E. Qualidade de vida dos idosos de Manaus segundo a escala de Flanagan. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia, v. 21, n. 4, p. 495-502, 2018.

OLIVEIRA, H. G. A.; PEREIRA, M. S.; PRESTES, Y. A.; SILVA, E. S.; CAMPOS, H. L. M. Características cognitivas e domínio físico funcional em idosos avaliados em domicílio numa cidade no interior do Amazonas: estudo transversal. Revista Kairós-Gerontologia, v. 23, n. 1, p. 161-179, 2020.

PRESTES, Y. A.; SOUZA, M. S.; PEREIRA, M. S.; ERVATI, R.; CAMPOS, H. L. M. Intra and inter-rater reliability of algometry to measure pain threshold in institutionalized elderly. Journal of Physiotherapy, v. 10, n. 3, 2020.

SANTOS, N. G. B.; NETO, E. M. F.; ARÊAS, G. P. T.; ARÊAS, F. Z. S.; LEITE, H. R.; FERREIRA, M. A. C.; JÚNIOR, R. C. F. Capacidade funcional e qualidade de vida em idosos com osteoartrose no município de Coari – am. Revista Pesquisa em Fisioterapia, v. 2, n. 2, p. 107-120, 2012.

SBGG. Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia. Desafios impactam a vida de idosos. 2019. Disponível em: https://sbgg.org.br/oms-divulga-metas-para-2019-desafios-impactam-a-vida-de-idosos/. Acesso em: 08 out. 2020.

SILVA, K. C. A.; BATISTA, M. A.; CUNHA, G. A. A.; OLIVEIRA, G. R.; OLIVEIRA, J. C. S. Perfil epidemiológico de idosos internados por emergências clínicas no interior do amazonas. International Journal of Development Research, v. 10, n. 7, p. 38508-38512, 2020.

SOUSA, N. F. S.; LIMA, M. G.; CESAR, C. L. G.; BARROS, M. B. A. Envelhecimento ativo: prevalência e diferenças de gênero e idade em estudo de base populacional. Caderno de Saúde Pública, v. 34, n. 11, 2018.

UNITED NATIONS. Department of Economic and Social Affairs (Population Division). World Population Prospects 2019. New York: Highlights, 2019. Disponível em: https://population.un.org/wpp/Publications/Files/WPP2019_Highlights.pdf. Acesso em: 08 out. 2020.

WHO. World Health Organization. Ageing and health. 2018. Disponível em: https://www.who.int/news-room/fact-sheets/detail/ageing-and-health. Acesso em: 08 out. 2020.

Downloads

Publicado

2021-08-24

Como Citar

CAMPOS, H. L. M.; OLIVEIRA, A. C.; BRAGA, J. A. da C.; OLIVEIRA, E. R. A. Ser velha e velho no interior do Amazonas: envelhecimento e funcionalidade no Médio Solimões: Being old and old in the interior of the Amazon: aging and functionality in the Middle Solimões. Revista Ensino, Saúde e Biotecnologia da Amazônia, [S. l.], v. 3, n. 1, p. 55–67, 2021. Disponível em: //www.periodicos.ufam.edu.br/index.php/resbam/article/view/8664. Acesso em: 2 out. 2022.