FOUCAULT E O CERIMONIAL POLÍTICO DA SOBERANIA NO ANTIGO REGIME

Autores

  • George Lucas da Silva dos Santos UFPA

Resumo

No presente trabalho pretendemos analisar de que modo, para Foucault, a cerimônia política constitui um dos elementos-chave para o poder soberano, bem como seu papel no estabelecimento da verdade e do saber. Primeiramente, comentaremos a análise que o autor faz da revolta dos Nu-pieds, demonstrando que nessa insurreição estava em jogo não só o poder político tradicional, mas também o poder visual, cerimonial. Em seguida, abordaremos o inquérito e a formação de saber na soberania, e como ele se relaciona com o campo visual do poder nesse período. Por fim, falaremos sobre o suplício e a produção visível do sofrimento como cerimonial político por excelência da soberania.

Downloads

Publicado

2022-07-02