AS PRÁTICAS DE GEOGRAFIA ESCOLAR NA VISÃO SÓCIOCONSTRUTIVISTA: UMA ESTRATÉGIA DO ENSINO CENTRADO DO ALUNO / THE PRACTICES OF SCHOOL GEOGRAPHY IN THE SOCIO - CONSTRUCTIVIST VIEW: A STRATEGY OF STUDENT - CENTERED TEACHING

  • Albano Fernando Mahumane Junior

Resumo

Este  artigo  reflete  sobre  as  práticas  de  geografia  escolar  baseando-se  na  teoria  de aprendizagem  no  sócioconstrutivista.  O  mesmo  sugere  algumas  práticas  de  geografia  escolar  no sentido  se  adequar  ao  que  se  pretende  do  aluno,  partindo  de  diversas  experiências  tidas  em pesquisas  realizadas  no  GRUPEG  (Grupo  de  Pesquisa  em  Ensino  de  Geografia)  no  sentido  de analisar as práticas de ensino de Geografia em diferentes escolas secundárias na  cidade de Maputo em Moçambique e que as mesmas (práticas) distanciam-se do que se recomenda em pedagogias e didáticas  atuais.  A  reflexão  sobre  as  práticas  de  geografia  escolar  na  visão  sócio  –  construtivista remeteu a questionar as estratégias metodológicas dos professores de geografia, I - será que elas se adequam  ao  que  se  pretende?  E  II-  Como  torna-las  adequadas  para  responder  os  objectivos  da geografia escolar? Para dar resposta a estas questões, fez-se um levantamento bibliográfico sobre as teorias de  aprendizagem e as metodologias da geografia escolar. Assim, o estudo sugere que para responder  os  objetivos  da  geografia  escolar  é  necessário  colocar  o  aluno  como  centro  da
aprendizagem.

##submission.authorBiography##

Albano Fernando Mahumane Junior
Ensino de Geografia e ciencias sociais
Publicado
2017-09-06
Como Citar
MAHUMANE JUNIOR, Albano Fernando. AS PRÁTICAS DE GEOGRAFIA ESCOLAR NA VISÃO SÓCIOCONSTRUTIVISTA: UMA ESTRATÉGIA DO ENSINO CENTRADO DO ALUNO / THE PRACTICES OF SCHOOL GEOGRAPHY IN THE SOCIO - CONSTRUCTIVIST VIEW: A STRATEGY OF STUDENT - CENTERED TEACHING. REVISTA GEONORTE, [S.l.], v. 8, n. 29, p. 101-115, set. 2017. ISSN 2237-1419. Disponível em: <http://www.periodicos.ufam.edu.br/revista-geonorte/article/view/2882>. Acesso em: 17 dez. 2017. doi: https://doi.org/10.21170/geonorte.2017.V.8.N.29.101.115.
Seção
Artigos

Palavras-chave

Ensino, construtivismo, geografia escolar