Desconstrução do mito sobre a utilização de hormônios exógenos na produção avícola

  • João Paulo Ferreira Rufino UFAM, Faculdade de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal, Manaus, Amazonas, Brasil.
  • Frank George Guimarães Cruz UFAM, Faculdade de Ciências Agrárias, Depart. de Produção Animal e Vegetal, Manaus, Amazonas, Brasil.
  • André Ferreira Silva UFAM, Faculdade de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal, Manaus, Amazonas, Brasil.
  • Valcely da Rocha Costa UFAM, Faculdade de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal, Manaus, Amazonas, Brasil.
  • Ana Paula Guimarães Cruz Costa UFAM, Faculdade de Ciências Agrárias, Curso de Zootecnia, Manaus, Amazonas, Brasil.
  • Natalia dos Santos Bezerra UFAM, Faculdade de Ciências Agrárias, Curso de Zootecnia, Manaus, Amazonas, Brasil.

Resumo

O objetivo deste artigo foi contribuir para o esclarecimento acerca da não utilização de hormônios exógenos na produção de frangos, a fim de auxiliar os consumidores com informações adequadas sobre os alimentos estão sendo produzidos. A revisão da literatura foi realizada a partir da investigação de artigos e material técnico-cientifico relacionados ao tema. Os estudos avaliados evidenciam a inexistência de efeito positivo da utilização exógena de hormônios no crescimento das aves, ou seja, não constatou-se vantagem técnica ou desempenho zootécnico excepcional que justifique sua aplicação na indústria avícola. Neste contexto, a utilização destas substâncias seria inviável produtivo e economicamente em função de custos elevados e dificuldade de manejo individual das aves, além do fato que no Brasil há uma rígida legislação que proíbe a utilização de hormônios para fins de promoção do crescimento das aves, independente da aptidão. Conclui-se, portanto, que foi possível esclarecer questões acerca da utilização de hormônios exógenos em aves, constatando-se que estes não possibilitam a obtenção de vantagens zootécnicas, e que há uma inviabilidade prática e econômica para sua aplicação na indústria. Todavia, verifica-se que o acelerado desenvolvimento das aves oriundas das linhagens modernas deve-se, principalmente, a tecnificação dos sistemas de produção e dos programas de melhoramento genético destas.
Publicado
2016-09-01
Como Citar
RUFINO, João Paulo Ferreira et al. Desconstrução do mito sobre a utilização de hormônios exógenos na produção avícola. Revista Científica de Avicultura e Suinocultura, [S.l.], v. 2, n. 2, set. 2016. ISSN 2447-8466. Disponível em: <http://www.periodicos.ufam.edu.br/RECAS/article/view/2751>. Acesso em: 19 jun. 2019.
Seção
Revisões Originais Avicultura

Artigos mais lidos do mesmo autor

Obs.: Este plugin requer ao menos um plugin ou relatório de estatísticas para funcionar. Se seus plugins de estatísticas trabalham com mais de uma métrica, por favor selecione uma métrica principal na página de configuração disponível no painel do Administrador e/ou do Gerente do portal.